PUBLICAÇÕES RECENTES

Policia Civil prende quadrilha e recupera carga avaliada em R$ 400 mil

29 de maio de 2014


Uma ação realizada pelo Departamento de Combate de Roubo de Cargas (DCRC) da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (SEIC) em conjunto com o Grupo de Resposta Tática (GRT) resultou na prisão de uma quadrilha que roubou, na ultima sexta-feira (23), no povoado Leitão, em Santa Luzia do Tide, um caminhão que transportava cerca de R$ 400 mil em confecções. A carga vinha da cidade de São Paulo e tinha como destino o estado do Pará.

Toda a carga foi recuperada, na terça-feira (27), em uma residência no povoado Segundo, na cidade de Buriticupu. No local foram presos Francisco Jonas Marcos dos Santos, Clayton Souza do Nascimento, Aquiles Cândido da Rocha e apreendido um menor. Com eles foi encontrado também um revólver calibre 38.

Em um hotel no município de Santa Inês foram encontrados mais nove integrantes da quadrilha. São eles: Fredson Cavalcanti Chagas, Claudomiro Gomes de Aguiar, Paulo Rogério dos Santos, Luis Rodrigo, Ivanilson Alves, Ferdinando da Conceição, Mohamed Azaquires e Cícero de Barros Silva, natural de Caruaru, que de acordo com as investigações era o líder do bando.

Segundo informações do delegado Maymone Barros, do DCRC, a dona da carga recuperada, identificada como Leonilzia da Costa Vieira, será intimada para verificar a procedência do material. 

Todos foram encaminhados para a Delegacia de Santa Luzia do Tide e atuados em flagrante por roubo e formação de quadrilha.

SSP

Plano de Cargos dos educadores de Santa Inês será votado nesta sexta (30)





Assinado pelo prefeito de Santa Inês, José de Ribamar Costa Alves, na última terça-feira (27), o Projeto de Lei nº 012, que dispõe sobre o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração do Magistério Público de Santa Inês está na pauta de votações da Câmara de Vereadores para esta sexta-feira (30).

A sessão está marcada para iniciar a partir das 9 horas, no auditório da Câmara Municipal, e contará com a presença do prefeito Ribamar Alves, secretários e principalmente a classe educadora, que é a principal interessada no assunto.


Elaborado pelo Executivo Municipal, o Plano de Cargos foi amplamente discutido, com alguns capítulos reformulados em consenso com os educadores da rede municipal. De acordo com o Artigo 1º, a Lei fixa normas sobre os critérios de ingresso, progressão e avaliação profissional na carreira do Magistério Público de Santa Inês, bem como das fontes de financiamento e remuneração dos profissionais do magistério do município, a serem cumpridas pela Administração Municipal.

ASSINATURA PELO PREFEITO
Em ato realizado no último dia 27, no auditório da Prefeitura de Santa Inês, o prefeito José de Ribamar Costa Alves, assinou cópia do Projeto de Lei nº 012, que dispõe sobre o Plano de Cargos para os educadores do município.

Além de ser mais uma conquista para a classe educadora da rede municipal de ensino, a aprovação do projeto pela Câmara de Vereadores representará o cumprimento de um dos itens do Plano de Governo do prefeito Ribamar Alves.

Segundo o prefeito Ribamar Alves, a valorização da Educação do município de Santa Inês é o ponto de partida para a melhoria da qualidade do ensino. “Valorizar o educador e oferecer condições dignas para o alunado são preocupações constantes do nosso Governo. Por isso que já construímos sete creches e reformamos dezenas de escolas municipais”, disse o prefeito.

(Texto e fotos: Departamento de Comunicação do Gabinete da Prefeitura)


Santa Inês pode dar adeus ao problema crônico de falta d'água

28 de maio de 2014




Um grande passo para acabar, de uma vez por todas, com o sofrimento da população de Santa Inês por falta de abastecimento adequado de água. Assim pode ser caracterizada a Audiência Pública realizada na noite desta segunda-feira, 26, no auditório da Câmara dos Vereadores.

A Audiência foi iniciada com a palestra do Consultor em Saneamento, Jorcy Francisco de França, que explicou todo o processo necessário para concessão pública, com base em várias leis. Sendo uma delas, a própria Lei do Saneamento 11. 445 de 2007.

O evento, presidido pelo Prefeito Ribamar Alves, teve grande participação popular e de vereadores. Depois de assistir a toda à explicação técnica do Consultor em Saneamento, a plenária teve espaço para compartilhar suas respectivas avaliações sobre o assunto. Cada pessoa, devidamente inscrita, teve 3 minutos para emitir sua opinião.

Com parecer positivo, a Audiência Pública antecede as próximas etapas para a conclusão da Concessão Pública para saneamento na cidade: elaborar e publicar edital de licitação, que deve ser aprovado pela Câmara dos Vereadores. Logo após o processo licitatório, a empresa terá um prazo de 18 meses para revitalizar todo o sistema de abastecimento, não deixando mais faltar água nas torneiras de cada família de Santa Inês.

Segundo o Prefeito, Ribamar Alves, várias empresas renomadas no ramo já demonstraram interesse em atuar em Santa Inês. Para ser selecionada, a empresa terá que oferecer - entre outras coisas - menor valor e capacidade técnica para atender a toda a demanda.


A Concessão terá duração de 30 anos, podendo o contrato ser anulado pelo Poder Público mediante o descumprimento de qualquer parte do acordo firmado.

O problema de falta de água em Santa Inês não é de hoje. Há décadas a população sofre por causa do abastecimento precário da Caema. Durante a Audiência, o Prefeito lembrou que assim que assumiu a gestão do município, uma das primeiras medidas foi buscar, junto à Companhia de Água e Esgoto do Maranhão, prestação de serviço melhor. Mas não obteve resposta favorável.

Como todos os moradores de Santa Inês sabem, nos primeiros meses de 2013, a Prefeitura teve que disponibilizar carros pipas para fazer o abastecimento de água nas casas dos moradores porque um dos principais poços da Caema havia sido desativado por problemas técnicos. O abastecimento alternativo se manteve intenso até a recuperação de 4 poços do município que estavam desativados. Estes poços foram incorporados a rede de abastecimento da Caema, o que amenizou o problema.

Além disso, locais com fortes históricos de falta de água, como na Vila Parente, Ceplac e Bairro Piquizeiro, a Prefeitura perfurou poços e acabou com os transtornos vividos pelos moradores destas áreas. “Durante o período de campanha nos comprometemos em oferecer qualidade de vida para nossa gente. Mas como fazer isso sem coisas básicas como a água? É por isso que implantamos o Saae e vamos oferecer Concessão Pública para que este serviço seja feito em plenitude e que a nossa gente não sofra mais” – conclui Ribamar Alves.

Departamento de Comunicação do Gabinete da Prefeitura de Santa Inês-MA 
Texto: Pepero Caldas 
Fotos: Dowglas Lima 


Vara do Trabalho de Santa Inês participa de Oficina de Revisão do Planejamento Estratégico

27 de maio de 2014


Servidores da Coordenadoria de Gestão Estratégica, Estatística e Pesquisa (CGEEP), do Tribunal Regional do Trabalho da 16ª Região (TRT-MA), de 06 de maio a 24 de julho deste ano, realizarão oficinas de revisão do planejamento estratégico nas varas trabalhistas da capital e do interior do Maranhão. O objetivo das oficinas é coletar informações e sugestões para construção do novo mapa estratégico 2015-2020, baseado no princípio de Planejamento Estratégico Participativo, utilizando o modelo de Balanced Scorecard (BSC), que é uma metodologia de medição e gestão de desempenho do planejamento estratégico.

“Pelo conceito de Planejamento Estratégico Participativo, é preciso conceder a oportunidade de que todos participem da revisão da estratégia da instituição. As visitas às varas do trabalho têm a finalidade de promover a integração que o 1º grau merece, especialmente as unidades do interior. Temos um e-mail criado especificamente para receber sugestões, aberto aos públicos externo e interno; ainda assim, decidimos registrar in loco as impressões que servidores e magistrados possuem sobre o órgão em que trabalham e o que entendem que pode ser feito para o desenvolvimento do TRT.”, esclareceu Ciro Ibiapina Cardoso, coordenador de Gestão Estratégica, Estatística e Pesquisa.

As varas do Trabalho de Bacabal e Santa Inês foram as primeiras a participarem da oficina, respectivamente, nos dias 26/05, 27/05. Em Barreirinhas o evento será realizado nesta quarta-feira (28) das 14h às 18h. Ciro Ibiapina Cardoso e Marcos Antônio de Souza serão os facilitadores da oficina. As servidoras Aline Cristina Sales Lobato e Ângela de Carvalho Craveiro também integram a equipe de facilitadores que ministrarão oficinas nas varas trabalhistas.

Com o tema Gestão Estratégica – Oficinas de Revisão do Planejamento Estratégico nas Varas do Trabalho, as oficinas têm como objetivos específicos apresentar os macrodesafios do Poder Judiciário; alinhar a unidade aos macrodesafios do Poder Judiciário e aos desafios do Planejamento Estratégico em construção no Tribunal; analisar o ambiente interno; reconhecer a importância de cada unidade para o alcance das metas; identificar/apontar missão, visão e valores; sugerir temas, iniciativas e objetivos estratégicos para o TRT.

Conforme o cronograma, em junho, as oficinas serão ministradas nas 1ª, 2ª e 3ª Varas do Trabalho de São Luís (dia 10); 4ª, 5ª 6ª e 7ª VTs de São Luís (11); VT de Pinheiro (25) e nas 1ª e 2ª VTs de Imperatriz (30). Em julho, os facilitadores estarão na VT de Açailândia (dia 1º); VT de Chapadinha (07); VT de Caxias (09); VT de Timon (10); VT de Estreito (14); VT de Balsas (15); VT de São João dos Patos (16); VT de Pedreiras (22); VT de Presidente Dutra (23); VT de Barra do Corda (24). No total, participarão das oficinas, em todas as varas, 247 servidores. O cronograma está sujeito a alterações.

Oficinas – A participação e o envolvimento de todas as unidades que integram o Tribunal serão essenciais para definir o futuro almejado para o Regional. A oficina permitirá o nivelamento conceitual em gestão estratégica das unidades, permitindo-lhes participar ativamente da construção do novo mapa estratégico do TRT, bem como gerenciar as suas atividades a partir do Planejamento Estratégico da instituição.

Fonte: TRT 16
Editado por Notas do Daniel Aguiar

Santa Inês: Inscrições abertas para etapa da Copa Maranhão de Futebol Sub-17


A partir desta quinta-feira (29), a bola volta a rolar pela Copa Maranhão de Futebol Sub-17. Desta vez, a cidade de Grajaú vai sediar a competição, que chega à sua segunda fase regional. Na primeira, realizada em São Luís, o Atlético Maranhense sagrou-se campeão e já está garantido na fase final do torneio assim como o Babaçu/Cefama, vice-campeão da primeira etapa.

Para esta segunda etapa da Copa Maranhão de Futebol Sub-17, está confirmada a participação de quatro equipes: Escolinha Eduardo Nava (Grajaú), Escolinha de Futebol Aprovação/Jatobá, Cordino (Barra do Corda) e Escolinha Nossa Senhora da Consolação (Colinas). Os quatro times se enfrentam entre si em turno único e, as duas equipes que somarem mais pontos se classificam para a fase final da competição.

Na quinta-feira, dia da abertura da etapa de Grajaú, ocorrem duas partidas válidas pela primeira rodada. Às 17h, a Escolinha de Futebol Aprovação/Jatobá enfrenta o Cordino e, na sequência, às 19h00, a Escolinha Eduardo Nava (Grajaú) mede forças com a Escolinha Nossa Senhora da Consolação (Colinas).

A rodada decisiva desta segunda etapa da Copa Maranhão de Futebol Sub-17 será realizada no sábado (31) à tarde. Após a definição dos times classificados desta etapa para a fase final do torneio, a Copa Maranhão segue para a cidade de Santa Inês, local onde será realizada a terceira etapa.

As equipes interessadas em participar da etapa de Santa Inês da Copa Maranhão de Futebol Sub-17 devem se inscrever pelos telefones 8114-8309 ou 8114-7099. As vagas são limitadas.

Sejap e Ufma se reúnem para tratar da implantação de programas de extensão nas unidades prisionais



Representantes das coordenações de assistências da Secretaria Adjunta de Justiça da Secretaria de Estado de Justiça e de Administração Penitenciária (Sejap) se reuniram com o reitor da Universidade Federal do Maranhão (Ufma), Natalino Salgado, para tratar sobre a parceria para a execução dos Projetos e Programas de Extensão Universitária (Proexrt 2014) nas unidades prisionais. Solicitado pelo Ministério da Justiça (MJ), o programa convoca instituições públicas de Ensino Superior para atuarem no sistema prisional.

Coordenadoras de assistencias da Sejap com o reitor 
Natalino Salgado e  pró-reitores discutem implantação de 
projetos de extensão em presídios
(Foto/Divulgação)
A iniciativa faz parte das ações de inclusão social da Ufma que visam aprofundar e dar suporte aos projetos de ressocialização voltados ao Sistema Prisional. Geração de trabalho e renda no ambiente prisional e para egressos, Sistema Prisional relacionado à educação, Direitos Humanos e Saúde são alguns dos temas propostos para serem trabalhados em conjuntos. A universidade poderá explorar o projeto academicamente através de pesquisas realizadas dentro do universo penitenciário.

De acordo com a coordenadora de capacitação, trabalho e renda da Sejap, Alice Magalhães, a próxima etapa é diagnosticar as ações que a Ufma irá implementar junto às coordenações de assistência da Sejap. “O encontro foi fundamental para as articulações e iniciar o projeto que garantirá grandes benefícios ao sistema prisional”, explicou. 

Presentes, também, no encontro, pela Ufma, as pró-reitoras de Recursos Humanos, Elisa Lago; de Ensino, Isabel Ibarra; de Extensão, Marize Aranha e a coordenadora do Curso de Direito, Lucileia França.

(Sejap)

Alto Alegre do Pindaré: Mais de 14 t de alimentos começam a ser distribuídas às escolas



A Prefeitura de Alto Alegre do Pindaré iniciou nessa segunda-feira (26), através da Secretaria Municipal da Educação, a entrega do segundo lote da merenda escolar às escolas públicas da Rede Municipal de Ensino.

Mais de 14 toneladas de alimentos vão atender, até junho, período que iniciam as férias, 9.000 (Nove Mil) crianças e adolescentes que estudam na rede pública, com cardápio variado e adequado, acompanhado por nutricionista.


Além dos alimentos tradicionais como: arroz, macarrão, óleo, carne bovina e aviária, achocolatado, amido de milho, fubá, leite em pó, açúcar, cereais de milho, ervilha em conserva, extrato de tomate, farinha, dentre outros, também são introduzidos produtos naturais, tais como frutas, legumes, verduras e polpas de frutas ao cardápio da merenda.

Por Civaldo Lopes do Blog do Alto

Acordo entre Fapema e Capes garante ampliação de bolsas de mestrado e doutorado




Um acordo de cooperação técnica firmado entre a Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema) e a Coordenação de Aperfeiçoamento de Nível Superior (Capes) vai financiar até 200 novas quotas de bolsas de mestrado para cursos de pós-graduação do Maranhão e 80 bolsas de doutorado. As bolsas serão concedidas por meio de editais da Fapema que serão disponibilizados ainda este ano.

O convênio, que soma recursos no valor de R$ 31,2 milhões, será aplicado, também, em apoio a projetos Dinter (Programas de Doutorado Interinstitucional), bolsas de Pós-doutorado, professor Visitante Sênior, estímulo a Excelência e Cooperação Acadêmica, formação e complementação do edital Pro-Equipamentos Institucional da Capes.

As bolsas de mestrado serão ofertadas em três chamadas a partir deste ano. Caberá a Capes o pagamento de 160 bolsas, por 24 meses, com aporte de recursos estimado em até R$ 5,7 milhões. Caberá à Fapema o pagamento de 40 bolsas, também por 24 meses, que somam R$ 1,440 milhão. Os bolsistas serão selecionados por meio de edital Fapema. Para bolsas de doutorado a Capes concederá recursos no valor de R$ 6,336 milhões e a Fapema R$ 2,112 milhões.

Por meio do convênio a Capes disponibilizará 20 quotas de bolsas novas de Pós-doutorado para atividades de pesquisa junto a pós-graduação do estado. As solicitações pelos programas de pós-graduação serão recebidas pela Fapema em resposta a um edital elaborado pela fundação com a chancela da Capes.

Com o acordo, as instituições buscam explorar sinergicamente os programas e instrumentos já instituídos pelas duas agências de fomento para promover ações de qualificação docente, de atração e fixação de novos pesquisadores, de criação de novos cursos de pós-graduação, de estímulo à cooperação acadêmica e de ampliação da infraestrutura de pesquisa.

Esse investimento nos programas de pós-graduação Stricto sensu tem como objetivo o fortalecimento das bases científicas, tecnologia e de inovação do Estado; a formação de docentes para todos os níveis de ensino e a formação de quadros para o mercados não acadêmicos.

(Fapema)

URE de Santa Inês participará do Fórum Estadual de Educação e Diversidade Étnico-racial


Representantes da Unidade Regional de Educação de Santa Inês (URE) marcarão presença no II Fórum Estadual de Educação e Diversidade Étnico-racial, que será realizado nos dias 28, 29 e 30 de maio de 2014, no auditório da FUNDAÇÃO DA MEMÓRIA REPUBLICANA (CONVENTO DAS MERCES) Bairro do Desterro, em São Luís. O evento é promovido pela Coordenação do Fórum Permanente de Educação e Diversidade Étnico- Racial do Estado do Maranhão - FEDERMA e a Secretaria de Educação do Estado do Maranhão- SEDUC.
Professor David Morais e gestora Pedrina Rocha
participaração do Fórum

Santa Inês será representado pelos professores Antonio David Filho da Silva Morais ( Prof. David Morais ) e a Gestora Regional de Educação de Santa Inês Pedrina da Cruz Rocha.

Sobre
O Fórum Permanente de Educação e Diversidade Étnico-racial do Maranhão foi criado 03 de junho de 2005, durante a realização do I Fórum Estadual de Educação e Diversidade Étnico-racial para a articulação e definição de políticas públicas e outros temas correlatos à temática étnico racial negra e indígena, respeitando o enfoque de gênero, na área da educação e cultura, no processo de ensino e aprendizagem na Rede Pública e Privada, comprometido com a implementação da Lei 10.639/2003, posteriormente acrescido das responsabilidades advindas com a Lei 11.645/2008.




Mais um passo na tentativa de melhorar o abastecimento de água em Santa Inês

26 de maio de 2014


A Prefeitura de Santa Inês realizará audiência pública nesta segunda-feira (26), no auditório da Câmara de Vereadores, a partir das 19h, com o objetivo de melhorar o sistema de abastecimento de água no município. Não é de hoje que a CAEMA é alvo de reclamações de moradores de vários bairros, inclusive do centro da cidade. Equipes da concessionária em Santa Inês até já tentaram amenizar a situação, mas a falta de equipamentos tem sido um grande obstáculo para que o serviço seja prestado com a qualidade necessária. 

Cansada de bater na mesma tecla sem resultados satisfatórios e atendendo às reivindicações da população, na audiência desta segunda-feira, o Município pretende iniciar o processo licitatório para empresas que têm interesse na concessão pública.

O evento é aberto à comunidade.

Quadrilha de assaltantes é presa em Zé Doca



Uma ação reaizada pela 8ª Delegacia Regional de Polícia Civil e 12ª Companhia Independente do município de Zé Doca culminou com a prisão de três assaltantes, na última sexta-feira (23), no povoado Três Marias. Foram presos Samuel Borges Sousa, de 18 anos, residente na Vila Janaína, em São Luís; Alisson dos Santos, 24 anos, residente no bairro Santa Clara, em São Luís; e Antônio Elisário Madeira Neto, de 30 anos, conhecido como “Vicente”, residente em Governador Nunes Freire. Dois suspeitos fugiram.

De acordo com informações do delegado Jader Alves, titular da 8ª Delegacia Regional de Zé Doca, os cinco suspeitos roubaram uma Hilux, de cor prata, com placas NNG 2877, no Bairro São Cristóvão, em São Luís, e seguiram sentido Zé Doca.

O superintende da Polícia Civil do Interior, Jair Paiva, comunicou o delegado Jader Alves, que acionou os investigadores da regional e a Polícia Militar.

O carro que os assaltantes roubaram faltou combustível e eles ficaram no povoado Três Marias. Os policiais localizaram o bando e efetuaram a prisão. Houve troca de tiros, e um dos suspeitos, Antônio Elisário Madeira, foi atingido de raspão no abdômen. Ele foi encaminhado à unidade hospitalar do município e, posteriormente, encaminhado à delegacia regional.

Os três assaltantes foram autuados em flagrante delito pelos crimes de assalto qualificado e formação de quadrilha. O procedimento foi lavrado pelo delegado Jader Alves. Os autuados estão custodiados na regional à disposição da Justiça.

O delegado Jader informou que Alisson dos Santos, que no ato da prisão portava uma pistola 765, municiada com três cartuchos, e Antônio Elisário Madeira já têm antecedentes pelos crimes de tráfico de drogas e assalto. 

SSP

Sexta-feira de manifestações em Santa Inês

23 de maio de 2014




Esta sexta-feira (23) foi marcada por duas manifestações no município de Santa Inês: uma na zona urbana e outra na zona rural, com interdição de rodovia federal. No geral, nos dois movimentos, moradores reivindicaram melhorias para o município.

Centenas de moradores reivindicam melhorias durante manifestação

Por volta das 16h, centenas de pessoas concentram-se na Praça Santo Antonio, na Vila Militar, e, a partir de lá, seguiram pela Rua do Comércio promovendo apitaços e buzinaços. Por meio de faixas,cartazes e palavras de ordem, os manifestantes externaram indignação e revolta com a administração municipal. Houve até o pedido de cassação do prefeito.

Dentre as reivindicações estão melhorias na infraestrutura urbana da cidade, reaparelhamento dos hospitais e educação de qualidade. 
Por causa da obra de esgotamento sanitário, em curso em Santa Inês, ruas e avenidas estão quase intrafegáveis. O prefeito Ribamar Alves enfatizou por meio de propaganda exibida na TV que tão logo termine o período de chuvas todas as ruas e avenidas danificadas serão recuperadas.
No hospital arrendado pelo município, as reclamações são variadas e vão desde a falta de médicos até a carência de equipamentos básicos para o atendimento aos pacientes.
Na educação, as reclamações são direcionadas à qualidade da merenda escolar e à ausência de professores em algumas escolas, entre outras.

Polícia Militar acompanha os manifestantes para garantir a segurança
No geral, o movimento foi pacífico e acompanhado de perto por policiais militares e guardas municipais.

Particularidades
- Não se observou a presença de grandes nomes da política da Região como chegou a ser ventilado nos dias que antecederam a manifestação. O apoio, se houve, foi verbal. Vale registrar, porém, a presença dos vereadores oposicionistas de Santa Inês Madeira de Melo, Creusa da Caixa e Irmão Machado.

-O padre Ivo José Ritter acompanhou a manifestação desde a concentração até a Praça da Matriz, inclusive sob chuva forte.


-Parece oportunista a atitude do vice-prefeito Ednaldo Lima (Dino). Ele só foi visto depois da chuva e já no ponto final da caminhada, na frente da prefeitura. Na foto, ele está todo sorridente e posando para as câmeras abraçado ao padre Ivo. Note, o padre está ensopado. O vice-prefeito, arrumadinho. 

-Lojistas da Rua do Comércio preferiram não arriscar e fecharam as portas minutos antes de os manifestantes ocuparem a via. Todos baixaram os portões, grande e pequenas lojas. Outro ponto que merece ser destacado, ainda no assunto, foi o sumiço dos mais de 150 camelôs daquela área. Também temiam o pior. 


-Lá pelas tantas, já quase no fim da manifestação, vândalos começaram a jogar pedras e bombas de são joão em meio à multidão. Algumas pedras foram lançadas em direção à prefeitura. Um menor de idade chegou a ser detido por policiais militares. Houve um princípio de confusão e um policial tentou afastar a multidão com spray de pimenta. O menor acabou sendo liberado. O repórter da TV Remanso, Rony Rocha, que fazia a cobertura do evento, levou a pior: foi atingido nos olhos pelo spray de pimenta.
Repórter é atingido por spray de pimenta em manifestação
-Justiça seja feita, os casos de vandalismo foram isolados. Nada generalizado. Como já acentuado anteriormente, no geral, a manifestação foi pacífica.

-Policiamento reforçado na frente da prefeitura de Santa Inês. Policiais militares e guardas municipais foram acionados para evitar possíveis invasões e/ou depredação do prédio público.

No mais, a manifestação popular foi legítima e merece congratulações por ser expressão clara da democracia vivida em Santa Inês. O momento é histórico. O povo elegeu Ribamar e tem carta branca para reclamar e exigir que seja cumprido o programa de governo apresentado durante a campanha.

Zona Rural

Na zona rural de Santa Inês, moradores do povoado Santa Filomena cortaram a BR-222 na manhã desta sexta-feira, 23. Os manifestantes reivindicam a construção de três lombadas e uma faixa de pedestre nas proximidades de uma escola e do posto de saúde da localidade que ficam às margens da rodovia. 



Segundo a dona de casa Antonia Maria dos Anjos, muitos acidentes fatais acontecem no local e geralmente crianças são as vítimas. "Nossos filhos estão morrendo atropelados nessa estrada", disse a dona de casa.

Um acidente ocorrido na noite dessa quinta-feira (22), teria motivado a interdição da estrada. Segundo moradores do povoado Santa Filomena, uma criança de 7 anos foi vítima de atropelamento e ficou gravemente ferida. Ela teria sido atendida no Hospital Tomaz Martins, em Santa Inês, e não corre risco de morte.

A manifestação durou cerca de cinco horas e filas quilométricas de veículos se formaram nos dois sentidos da rodovia.

A Polícia Rodoviária esteve no local para controlar a situação e tentar desobstruir da BR, mas somente com a chegada do encarregado de obras de uma empresa que presta serviços para o DNIT um acordo foi feito. Jackson Medeiros afirmou aos moradores que já tem autorização para construir os redutores de velocidade e só não iniciou as obras antes por causa das chuvas fortes que atingem a Região do Vale do Pindaré. "Asfalto com água não combina", disse o encarregado.

Encarregado de obras fala com manifestantes
Jackson disse ainda que em oito dias os trabalhos serão iniciados no local. Os manifestantes aceitaram a proposta e desobstruíram a rodovia federal por volta das 11h.



Detentos participam de terapia com psicólogos e assistentes sociais em São Luis

20 de maio de 2014




A Secretaria de Estado da Justiça e da Administração Penitenciária (Sejap) iniciou sessões de terapia em grupo, voltadas aos detentos do sistema prisional. A primeira roda terapêutica foi realizada na Penitenciária Feminina e deve seguir para todas as unidades prisionais.

Coordenada pela secretaria adjunta de Justiça, a ação é desempenhada por um grupo de psicólogos e assistentes sociais voluntários com pós-graduação em Terapia Comunitária Integrativa pela Universidade Federal do Ceará. A equipe trabalha abordando temas que são escolhidos pelos próprios internos e busca, através da discussão e interação em grupo, proporcionar um momento de reflexão.

De acordo com o superintendente de Justiça da Sejap, André Barreto a inclusão da roda terapêutica na rotina dos internos será mais um meio de aproximação e de ressocialização. "O objetivo é externar seus sentimentos, compartilhando as angústias e medos, tendo a oportunidade de serem ouvidos e entendidos", explicou.


Segundo o superintendente, a atividade foi bem aceita e cerca de 50 internas participaram da primeira ação realizada pelo grupo. Na ocasião houve a apresentação do grupo de dança, parte de um projeto já realizado com detentas da unidade.

Os internos da Casa de Detenção (Cadet) serão os próximos a receber a roda terapêutica.

Fonte: Sejap
Fotos/Divulgação

Santa Inês: Desenvolvimento Social realiza seminário sobre exploração sexual de crianças e adolescentes





Sob o tema “Prevenir é preciso, orientar é o caminho”, a Secretaria de Desenvolvimento Social da Prefeitura de Santa Inês promoveu nesta terça-feira (20), o 1º Seminário Municipal de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

O evento aconteceu no auditório da Prefeitura e a programação constou de apresentações, palestras e debates abordando o tema exploração sexual de crianças e adolescentes.

Durante o seminário, participaram da programação de apresentações grupos de ballet e teatro, entre outras atrações. O evento premiou a melhor redação sobre o tema “Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”.

EDUCAÇÃO TAMBÉM ABORDOU O TEMA

O tema exploração sexual foi discorrido nas escolas municipais desde o último dia 12, quando palestrantes do Conselho Tutelar de Santa Inês abordaram o assunto na Escola Municipal Simone Macieira (bairro Coheb).

No dia 13, foi a vez dos alunos da escola Coração de Jesus participarem da palestra proferida pelos integrantes do Conselho Tutelar. Dia 14, assistiram à palestra os alunos da escola Edmilson Gonçalves e dia 16 os alunos da Escola Municipal Bandeira Tribuzzi.

Ainda como parte da programação, na segunda-feira (19), as secretarias municipais de Educação e Desenvolvimento Social realizaram uma caminhada seguida de manifestação em alusão ao combate ao Abuso e a exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

Vale ressaltar que o Dia Nacional de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes é lembrado todo dia 18 de maio.

Por: Departamento de Comunicação do Gabinete da Prefeitura. 
Texto e Fotos: Magno Lima

Notas Rápidas... 20/05/2014



Greve
A Guarda Municipal de Santa Inês cruzou os braços por tempo indeterminado. Entre as reivindicações, os guardas exigem a atualização do valor do salário e veículo em condições apropriadas para trabalhar. 

Os problemas na Guarda Municipal de Santa Inês não surgiram recentemente, vêm se acumulando ao longo de 12 anos. Agora, eles resolveram cruzar os braços para tentar uma solução imediata. E deu certo.

Segundo o representante do Departamento de Trânsito de Santa Inês, João Evangelista Rodrigues, a resposta para as reivindicações dos grevistas deve sair até o fim desta semana. 

Opinião - Um dos pontos mencionados por grevistas em entrevista concedida à TV Mirante de Santa Inês nessa segunda-feira (19), chamou bastante a minha atenção e merece ser discutido amplamente pela sociedade. Os guardas municipais querem trabalhar armados. Não estou dizendo que eles não têm esse direito e, tampouco, querendo incitar opiniões contrárias. O que acredito é que esse assunto merece ampla discussão com participação da comunidade.

Bomba-Relógio
As coisas não estão fáceis para os vereadores de Santa Inês. A cada sessão, uma confusão. É sabido que naquela casa, em dia de sessão ordinária, nunca reinou o marasmo mas, ultimamente, é uma bomba-relógio acionada na segunda com detonação marcada para  a manhã de sexta-feira. 

A população não se esquiva na hora de manifestar opinião contrária a atitudes duvidosas tomadas por parlamentares. Responde e responde em alto e bom som. 
A oposição se esbalda e aproveita o embalo para não deixar a água mornar. Enquanto os situacionistas tentam separar as brasas para não aumentar o fogo.
Enquanto as cobranças forem legítimas, o povo tem mais é que manifestar-se, mesmo. Tá errado? O povo pode e deve agir. D-E-M-O-C-R-A-C-I-A.
O que não poderia ocorrer, e que já me parece inevitável, é uns e outros se aproveitando das carências do povo, montar palanque e desvirtuar a causa. Neste caso, a maioria corre o risco de ser usada como massa de manobra, manipulada meramente para atingir o executivo. 

Não falo da maioria, mas tem gente envolvida que se preocupa bem mais com a possibilidade de angariar uns 'votinhos' do que com a situação de ruas ou a irregularidade na coleta de lixo. 

Pra Santa Inês, nada!
A governadora Roseana Sarney entregou na tarde desta terça-feira (20), no Palácio Henrique de La Rocque, 75 ônibus escolares a 40 municípios. Este é o primeiro lote de um total de 136 veículos adquiridos em parceria com o Governo Federal, por intermédio do Plano de Ações Articuladas (PAR/Estadual) no Programa Caminho da Escola, do Ministério da Educação.

O interessante é que Santa Inês não está na lista. Vamos aguardar para ver se o município será contemplado em outras etapas. 
Apesar das dificuldades enfrentadas por todos os municípios maranhenses, o governo do Estado tem prioridades eleitorais. Santa Inês não parece se encaixar nessas prioridades. 

Municípios que receberam ônibus escolares nesta etapa:

Satubinha
Arame
São Roberto
São João do Sóter
Itaipava do Grajaú
Brejo de Areia
Passagem Franca
Araguanã
Turilândia
Bacurituba
Bom Jardim
São Benedito do Rio Preto
Vargem Grande
Mirador
Benedito Leite
Altamira do Maranhão
Paulo Ramos
Maranhãozinho
Alto Alegre do Maranhão
Tufilândia
Cândido Mendes
Jatobá
Turiaçu
Presidente Juscelino
Cantanhede
Bacuri
Sucupira do Norte
São Francisco do Brejão
Urbano Santos
Buriti Bravo
Presidente Médici
Barão de Grajaú
Godofredo Viana
Bernardo do Mearim
Trizidela do Vale
São João do Paraíso
Cururupu
São João dos Patos
Carolina
Açailândia

Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes
Nessa segunda-feira (19), as secretarias municipais de Educação e Desenvolvimento Social realizaram uma caminhada seguida de manifestação em alusão ao combate ao Abuso e a exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Centenas de estudantes participaram do evento.
Vale ressaltar que o Dia Nacional de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes é lembrado no dia 18 de maio.


Nesta terça-feira (20), a Secretaria de Desenvolvimento Social da Prefeitura de Santa Inês promoveu o 1º Seminário Municipal de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. O tema exploração sexual vem sendo discorrido nas escolas municipais desde o último dia 12.

Em Pindaré, a Secretaria de Desenvolvimento Social também lembrou a data realizando caminhada pelas ruas da cidade. Estudantes e professores entregaram panfletos e pintaram um muro com mensagens de alerta para a comunidade. 
(Informações e foto: Assessoria de Comunicação) 


Para Adriana Paulino, uma das coordenadoras da Campanha, as ações que estão sendo desenvolvidas tem como finalidade lembrar aos abusadores que a população está atenta e que não aceita este tipo de crime. Do site da prefeitura de Pindaré - Mirim.
(Informações e foto: Portal Pindaré)

Inauguração em Monção
No último domingo (18) a comunidade do povoado Santa Helena, zona rural de Monção, esteve em festa com a entrega do posto de saúde da localidade. 
A cerimônia de inauguração contou com a presença do prefeito Queiróz (DEM), da primeira dama Cleonice Queiróz, do secretário de Saúde, Lindonélio e demais secretários municipais, vereadores e lideranças políticas.


Na ocasião, o prefeito anunciou a entrega de mais 5 Unidades Básicas de Saúde, sendo 2 na sede e 3 na zona rural, além da entrega da ampliação dos postos dos povoados Castelo e Barradas. Isso já para os próximos meses.
(Informações e foto: Blog do JP)


Sebrae e Senar vão capacitar produtores rurais do Alto Turi



Expandindo suas ações de educação empreendedora, a regional do Sebrae em Santa Inês, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), lançou duas turmas do Programa Negócio Certo Rural, capacitação direcionada aos empreendedores do campo. A solenidade de lançamento aconteceu na quinta-feira (15), nas cidades de Araguanã e Presidente Médici.

Dentre os conteúdos a serem partilhados com os participantes do curso estão o planejamento, o controle e a administração das finanças, além de consultoria nas propriedades rurais, com duração de três meses. A presidente da Associação dos Produtores de Leite do Município, Alice Moraes, enfatizou a importância desta iniciativa. “Muitas vezes, o produtor está preocupado apenas em produzir, não tem o controle do que investe e do lucro do seu trabalho. E é por isso que o Negócio Certo Rural é muito bem vindo para todos nós”, avaliou.

O agricultor Evaldo Barbosa fez questão de incentivar os empreendedores rurais da região. Ele conta que já participou de uma turma do programa e afirmou que a capacitação é muito útil para a atividade rural do pequeno produtor. “Às vezes você tem uma boa renda, mas não tem controle do que gasta nem retorno da atividade, mas depois do curso tudo muda”, relatou Barbosa. “Hoje cultivo hortaliças e a partir do controle das finanças, passei a ver o resultado do meu trabalho”, reafirmou o agricultor.

Em Presidente Médici, o lançamento do Negócio Certo Rural aconteceu no auditório da prefeitura com a presença de agricultores e representantes da administração municipal. Os instrutores do Senar e técnicos do Sebrae fizeram uma explanação sobre o curso e os benefícios que ele proporciona na qualidade de vida das famílias que vivem da atividade rural.

Nos dois municípios as aulas começam no fim de maio. Apicultores, agricultores e piscicultores demonstraram interesse em participar e confirmaram a inscrição ao término da reunião de lançamento do programa para suas regiões.

Para o gerente da unidade regional do Sebrae em Santa Inês, Aluízio Muniz, é gratificante poder proporcionar esse aprendizado aos pequenos produtores rurais. “Estamos fazendo a nossa parte e ficamos feliz com essa receptividade, traduzida na disposição dos empreendedores em participar das capacitações”, assinalou o gerente.

Fonte: Gilciléa Marques/Sebrae-Santa Inês
Foto/Divulgação

Sobre as inscrições para cursos de graduação da UEMANET



E-mail enviado ao blog pelo Coordenador do Pólo Universitário de Apoio Presencial da Universidade Aberta do Brasil (UAB) de Santa Inês, David Morais, na manhã desta terça-feira, 20: "Conforme novas orientações da coordenação do UEMANET , por enquanto, estão adiadas as inscrições para esses cursos de graduação . Quando o novo edital estiver pronto , possivelmente na próxima semana, divulgaremos. Obrigado pela compreensão!"

Vice-prefeito de Santa Inês reafirma apoio ao pré-candidato Lobão Filho

19 de maio de 2014




O vice-prefeito de Santa Inês, Ednaldo Lima (Dino) foi uma das figuras políticas presentes na reunião realizada em São Luis no último fim de semana para debater propostas de trabalho do Peemedebista Lobão Filho, pré-candidato ao governo do Maranhão.
Na ocasião, um grande grupo de vereadores da capital manifestou apoio à pré-candidatura de Lobão.

Lobão Filho afirmou que neste ano, na presidência da Comissão Mista de Orçamento, que faz a distribuição de recursos federais no país, destinou R$ 4 milhões de reais à Prefeitura de São Luís, sendo R$ 2 milhões de reais para o Museu de Gastronomia e mais R$ 2 milhões de reais para a saúde pública, priorizando resolver os problemas dos hospitais municipais Djalma Marques (Socorrão 1) e o Dr. Clementino Moura (Socorrão 2).

Neste ano, o Prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PTC), também já solicitou ao senador recursos na ordem de R$ 40 milhões de reais para as obras de reurbanização e melhorias que vem sendo feitas na entrada da cidade. Os vereadores enfatizaram que o próximo governo deve ser parceiro da prefeitura de São Luís para beneficiar à população com melhorias na infraestrutura nas comunidades urbanas e rurais, principalmente asfalto nas ruas e avenidas, incentivos à produção, saúde e educação.

Em seu discurso, o pré-candidato destacou que precisa do forte apoio dos vereadores, que já mostraram que sabem fazer a diferença quando estão motivados. “Vocês são um exército mesmo. Vereador é quem ganha a guerra. A oportunidade que temos de mudar o Maranhão é agora”. E concluiu que para ganhar a eleição é preciso acreditar na causa. “A nossa causa é a melhor para o Maranhão”, disse Lobão Filho.

Vereadores
Participaram da reunião os vereadores Astro de Ogum (PMN), Pereirinha (PSL), Honorato (PT), Chico Carvalho (PSL), Sebastião Albuquerque (DEM), Barbara Soeiro (PMN), Estevão Aragão (PPS), Chaguinhas (PRP), Barbosa Lages (PDT), Ricardo Diniz (PHS), Beto Castro (PRTB), Armando Costa (PSDC), Manoel Rego (PTdoB), Josué Pinheiro (PSDC), Marquinhos (PRB), Nato (PRP), Paulo Luís (PRB) e os suplentes de vereadores Basileu (PSDC) e Severino Salles, presidente estadual do PRP.

Prestigiaram ainda o evento o ex-deputado Joaquim Haickel, o ex-vereador Albino Soeiro, a vereadora de Bom Jardim, Sandra do Salomão (PT) e o líder comunitário João Amorim, do Rio Grande, área rural de São Luís. Dr. Chaguinhas, que participou como ouvinte, e Armando Costa, observaram que a vontade dos vereadores é ter o governo estadual e a prefeitura trabalhando juntos. Costa afirmou ainda: “Senador, conte com o nosso apoio nesta eleição. Nós vamos pra vitória!”.

Na última eleição, com apoio dos vereadores, a governadora Roseana obteve mais de 43% dos votos na capital. A vereadora Barbara Soeiro também garantiu apoio ao senador. “Iremos com você para a vitória de cabeça erguida”. O vereador Honorato afirmou que também vai junto com o Senador para ganhar essa eleição. O vereador Sebastião Albuquerque também declarou o seu apoio. “Senador Lobão Filho, conte conosco! Faço minhas as palavras de apoio à sua pré-candidatura ditas aqui pela vereadora Barbara Soeiro”, disse Albuquerque.

Por Notas do Daniel Aguiar
Com informações e fotos da Assessoria de Comunicação de Lobão Filho


Reforço no policiamento ostensivo do Vale do Pindaré



O 7º Batalhão de Polícia Militar recebeu na manhã desta segunda-feira (19), 10 veículos novos veículos que serão usados para reforçar a segurança ostensiva no Vale do Pindaré: seis carros e 4 motocicletas.

O comandante da PM no Maranhão, Coronel Zanoni Porto, participou da cerimônia de entrega das viaturas realizada no pátio do Batalhão, em Pindaré.

2 viaturas reforçarão o policiamento de Santa Inês, 1 para Pindaré-Mirim, 1 para Satubinha, 1 para Monção e 1 para Bom Jardim. Já as quatro motocicletas, serão utilizadas provisoriamente em Santa Inês e , posteriormente, serão distribuídas ´para municípios vizinhos.
.

Santa inês: Polícia Militar prende suspeito de estuprar jovem com deficiência mental



Policiais militares do 7º Batalhão de Polícia Militar prenderam um homem suspeito de tentativa de homicídio, e outro suspeito de estupro. Edilson Antônio de Barros, 35 anos; e Rubenilson Lima Araújo, 21, foram detidos em incursões realizadas no último fim de semana, nas cidades Tufilândia e Santa Inês, respectivamente.

Rubenilson foi detido sob a acusação de abusar de uma jovem de 25 anos, portadora de problemas mentais, no povoado Campo Novo. Segundo a polícia, ele era vizinho da vítima e foi encontrado pelo irmão da jovem na casa. O crime foi denunciado à polícia que chegou ao local e deu voz de prisão ao suspeito.

Ele foi conduzido à delegacia, onde foi autuado em flagrante pelo delegado Renato Barbosa Fernandes, por crime previsto no artigo 217, que é estupro de vulnerável.

Em Tufilândia, a 35 km de Santa Inês, a guarnição da PM prendeu Edilson Antônio, que tentou contra a vida de Manoel Filho de Sousa Machado e José de Sousa Machado, durante uma discussão em um bar, no centro da cidade.

José foi atingido com dois tiros, e Manoel, a garrafadas. Ambos foram levados ao hospital da cidade onde passaram por procedimento cirúrgico.

A prisão do acusado se deu após de informações repassadas à polícia indicando que ele estaria fugindo em um veículo Fiat Strada, vermelho, placas NMH-9102. Ele foi detido em uma barreira policial na saída da cidade.

Na Delegacia Regional, ele foi autuado pelo delegado Renato, em flagrante, por tentativa de homicídio. Em seguida foi levado para a unidade prisional da cidade.

SSP

III Encontro Estadual de Educação: debate sobre indicadores educacionais e transporte escolar




O encerramento do III Encontro Estadual de Educação do Ministério Público e Ministério da Educação, na última sexta-feira, 16, foi marcado pela realização de dois painéis temáticos, além do lançamento da campanha institucional sobre transporte escolar e a plenária geral. O evento foi realizado no Hotel Luzeiros, em São Luís, com a organização do Centro de Apoio Operacional de Defesa dos Direitos da Educação (CAOp Educação).


O primeiro painel “Estratégias de superação eficiente dos baixos indicadores educacionais, a partir da melhoria da infraestrutura da escola pública” foi apresentado pela mestre em Avaliação e Gestão da Educação Pública, Maria Izolda Cela.

Na explanação, ela falou sobre a experiência do Programa Alfabetização da Idade Certa (Paic), implementado em Sobral, no Ceará, quando esteve à frente da Secretaria Municipal de Educação, de 2001 a 2006. “O Brasil deu as costas para os mais pobres e deixou aprofundar as desigualdades. A realidade é uma escola que não ensina, não cumpre as funções mais básicas”, alertou.

O painel “Direito à Educação e o Ministério Público: para além dos conflitos de atribuição – Ministério Público Estadual x Ministério Público Federal e Promotorias do Patrimônio e Improbidade x Educação” foi apresentado pelo promotor de justiça de Cariré, no Ceará, André Luis Tabosa. A coordenadora foi a promotora de Itapecuru, Carla Mendes Pereira, e o debatedor foi o promotor de justiça e assessor da Procuradoria Geral de Justiça, Emmanuel Soares.

O painelista destacou que as verbas federais incorporadas ao patrimônio municipal podem ser alvo de investigação do Ministério Público Estadual, em caso de falta de aplicação ou desvio de recursos. “A discussão de quem faz o quê, quando o Ministério Público Estadual se recusa a atuar nesses casos, por se tratar de verba federal, consolida alguns problemas que podiam ser resolvidos com rapidez”, criticou.

Para o promotor, que também é especialista em Direito Constitucional e mestre em Direito e Desenvolvimento, o Ministério Público deve agir, prontamente, sempre que os direitos da população forem desrespeitados. “Há duas formas para tentar solucionar um problema: resolvendo o problema ou apenas procurando o culpado”.

Tabosa recomendou o diálogo entre o MP Estadual e o Federal a fim de trabalhar conjuntamente para resolver as demandas coletivas. “Precisamos construir pontes”. A opinião é compartilhada pelo promotor Emmanuel Soares. “Não se justifica a falta de ação. Todos os promotores existem para prestar um serviço à sociedade. O importante é conseguir resolver o problema”.

PLENÁRIA

As deliberações do Encontro de Educação foram realizadas na plenária, com as indicações de professores e gestores escolares. A diretora da Escola Família Agrícola Quilombola Renato Giunípero, Eunice Santos, de Anajatuba, cobrou ações do MPMA em defesa dos alunos do campo. Ela denunciou que os estudantes não são atendidos pelo transporte escolar. “Na prática, nem o Estado, nem o Município fornecem o serviço”

A gestora escolar também criticou a falta de assistência aos 60 alunos, que, pelo método da pedagogia da alternância, estudam a cada 15 dias consecutivos e, por isso, dormem e realizam todas as refeições na escola. “O Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae) paga R$ 0,30 centavos por aluno, quando o correto seria R$ 0,60. Como prover cinco refeições diárias com esse dinheiro? Educação no campo é direito e não esmola”.

Já a professora Socorro Botelho, de São Luís, cobrou do Ministério Público o acompanhamento do Plano Nacional de Implementação das Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Étnico-Raciais e para o Ensino de História e Cultura Afrobrasileira e Africana, além da orientação quanto à temática indígena. “Há um desconhecimento total desse plano e a escola precisa ser um espaço democrático e difusor de conhecimento”.

TRANSPORTE ESCOLAR

A fiscalização do transporte escolar foi escolhida como ação institucional prioritária pelo MPMA. A promotora de justiça da comarca de Bacuri, Alessandra Darub, falou sobre a investigação para apurar as responsabilidades pela morte de oito adolescentes naquele município.

Após ingressar com Ação Civil Pública, o Ministério Público obteve decisão favorável do Poder Judiciário determinando, em 8 de maio, que o Município e o Estado do Maranhão se abstenham imediatamente de transportar alunos das redes públicas municipal e estadual em veículos irregulares, ou seja, inapropriados para o transporte escolar ou dirigidos por motoristas sem habilitação.

“O caso de Bacuri não é um fato isolado. O transporte irregular é uma realidade muito maior. Na Região da Baixada, por exemplo, é comum”, alertou Darub.

Por conta dessa problemática, o Centro de Apoio Operacional dos Direitos da Educação, em parceria com o Centro de Apoio Operacional da Infância e Juventude (CAOp/IJ), lançou o projeto “Transporte Escolar: uma questão de dignidade e justiça”.

Dentre os objetivos do projeto, estão a implantação de um sistema de vistoria e autorização dos veículos e condutores. “A proposta é sistematizar os serviços de vistoria, autorização e fiscalização do serviço de transporte escolar, em parceria com os órgãos de trânsito das três esferas da federação”, explicou a coordenadora do CAOp Educação, Sandra Soares de Pontes.

Também está prevista a criação e manutenção, em parceria com o Conselho de Acompanhamento do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), cadastro atualizado da frota de veículos de transporte escolar, bem como dos motoristas.

Redação: Johelton Gomes (CCOM-MPMA)
Fotos: Eduardo Júlio (CCOM-MPMA)

Sebrae e empresários discutem ações para a classe empresarial de Santa Luzia do Paruá




Em reunião realizada nesta quarta-feira (14), na cidade de Santa Luzia do Paruá, com a presença de representantes do Sebrae, Associação Comercial e Câmara dos Dirigentes Lojistas, foram debatidas estratégias para trabalhar junto à classe empresarial do município, no intuito de fortalecer o desenvolvimento econômico local.

O gerente da unidade regional do Sebrae em Santa Inês, Aluízio Muniz, acompanhado do gestor do projeto Atendimento Territorial desenvolvido pelo Sebrae, Fábio André, foram ao município em resposta a convite do presidente da CDL e da Associação Comercial, Geones Barreto. Na oportunidade, o presidente da entidade demonstrou preocupação com o desenvolvimento e a sustentabilidade das empresas que atuam no município.

“Queremos solicitar o apoio do Sebrae, no sentido de firmar parcerias para desenvolver ações de capacitação empresarial e consultorias técnicas com os empresários e empreendedores que atuam no comércio de nossa cidade”, afirmou Barreto. Ele destaca também que o comercio é a base da economia do município, que tem uma grande área territorial e um potencial de desenvolvimento considerado.

O Sebrae se propôs em atender as demandas e está programando as primeiras ações já para os mês de junho, onde a intenção é realizar cursos, palestras e consultorias. Segundo Aluizio Muniz, gerente do Sebrae em Santa Inês – que atende a Santa Luzia do Paruá – é muito bom acompanhar um líder empresarial preocupado em contribuir com o desenvolvimento e sustentabilidade dos negócios locais. “Reforçamos o compromisso do Sebrae com os empresários de deste município e estamos trabalhando para desenvolver um bom trabalho por aqui, com palestras técnicas, cursos e consultorias”, informou Muniz.

(Gilciléa Marques/Sebrae-Santa Inês)


Hoje tem caminhada e manifestação pelo combate à exploração sexual




Em alusão ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes (18 de maio), a Secretaria de Educação da Prefeitura de Santa Inês realiza na tarde desta segunda-feira, 19, uma caminhada seguida de manifestação.

O evento está previsto para iniciar a partir das 16 horas, com concentração no canteiro da Avenida Castelo Branco (setor Laranjeiras), com caminhada seguindo pela Rua do Comércio.

Na Praça da Igreja Matriz de Santa Inês, haverá uma manifestação pelo Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

Amanhã, terça-feira (20), a partir das 8 horas da manhã, no auditório da prefeitura, acontece um seminário também em referência ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

Fonte: Departamento de Comunicação do Gabinete da Prefeitura de Santa Inês-MA


 

Fale com o blogueiro

- Daniel Aguiar -
WhatsApp: (98) 9 8256 6682
Email: danielaguiarpereira@gmail.com

O que você procura?

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

WhatsApp do 7º BPM/Pindaré

WhatsApp do 7º BPM/Pindaré

OPORTUNIDADES

Tags