PUBLICAÇÕES RECENTES

Foi armação

31 de janeiro de 2016

O que a população de Santa Inês já sabia, o laudo de exame realizado pelo Instituto Médico Legal (IML) sobre o suposto estupro cometido pelo prefeito de Santa Inês, Ribamar Alves (PSB), apenas confirma: não houve violência praticada por Alves e nenhuma resistência por parte da jovem de 18 anos. Foi armação.

De acordo com o documento assinado pela médica legista Márcia Sandra de Castro Moraes, não foram encontradas lesões corporais externas. Foi armação.

A perícia foi solicitada pelo delegado de Polícia Civil de Santa Inês, que efetuou a prisão do prefeito Ribamar Alves. 

O laudo restabelece a verdade dos fatos. Foi armação.

Cai por terra, portanto, a principal alegação da suposta vítima que afirmava ter sido levada à força ao motel para praticar sexo. Foi armação.

Foi armação. Agora, a população de Santa Inês se pergunta quem seria capaz de jogar tão baixo e tão sujo. 

Quem?

3 comentários

  1. "Armação" o estupro ou que ele mantém relações extra - conjugal? Faça - me o favor!

    ResponderExcluir
  2. Há casos que a vítima, por se sentir muito coagida, passa a não reagi devido estar com o psicológico abalado e, por isso, um laudo do tipo não poderia afirmar na íntegra, o ocorrido. Porém é uma das ferramentas que o Delegado pode usar para facilitar o avanço na investigação e garantir a denuncia e a defesa dos envolvidos. Por isso, ficarei aguardando o fim das investigações. É o certo!

    ResponderExcluir

  3. É ético divulgar o nome das vítimas de crimes humilhantes?
    Publicar nome de vítima de estupro gera dano moral.
    O direito à honra, e a privacidade está garantido na Constituição Federal (inciso X, do art. 5º, CF).
    Lembro-me de um jornal que teve de pagar 20 mil de indenização por divulgar o nome de uma vitima de estupro (http://www.conjur.com.br/2013-fev-13/divulgar-nome-vitima-estupro-jornal-pagar-indenizacao).
    Então meu amigo, se eu foce essa moça eu processava você.

    ResponderExcluir

Todos os comentários postados no Notas do Daniel Aguiar passarão por moderadores. O conteúdo dos comentários é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a nossa linha editorial.

 

Fale com o blogueiro

- Daniel Aguiar -
WhatsApp: (98) 9 8256 6682
Email: danielaguiarpereira@gmail.com

O que você procura?

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

WhatsApp do 7º BPM/Pindaré

WhatsApp do 7º BPM/Pindaré

OPORTUNIDADES

Tags