PUBLICAÇÕES RECENTES

Instituições reúnem-se para discutir educação básica no Maranhão

5 de julho de 2013

Representantes da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), do Ministério da Educação (MEC), da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), das Universidades Estadual (Uema) e Federal do Maranhão (Ufma), do Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (Parfor), do Instituto Federal do Maranhão (Ifma), do Sindicatos de Professores e da Associação Nacional de Formação dos Professores de Educação Básica (Anfope) participaram da reunião do Fórum Estadual Permanente de Apoio à Formação Docente. O encontro ocorreu nesta quarta-feira (3), no auditório da Seduc.

Para o secretário de Estado da Educação, Pedro Fernandes, este Fórum é fundamental para a discussão da política de formação docente e para planejar as metas almejadas para a transformação dos índices educacionais do Maranhão.

Os Fóruns Estaduais são órgãos colegiados criados para dar cumprimento aos objetivos da Política Nacional de Formação de Profissionais do Magistério da Educação Básica. Entre as principais funções do Fórum, estão: elaborar e acompanhar a execução de um plano estratégico, definir prioridades e metas do programa em cada estado, coordenar as ações de formação de professores, e propor ações específicas para garantia de permanência e rendimento satisfatório dos professores de educação básica.

Durante a reunião, a coordenadora geral de formação de docentes da educação básica da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), Izabel Lima Pessoa, falou sobre a formação de professores para a educação básica e sobre a perspectiva da Capes no que se refere à formação docente no âmbito do Parfor.

“Neste Fórum, teremos uma maior interlocução da educação superior com a educação básica. Este espaço é importante também para a aproximação da Capes com a educação nacional. A união de vários órgãos educacionais certamente fará a diferença para o nosso país”, disse Izabel Pessoa.

Parfor

Durante a reunião, a professora Izabel Pessoa destacou o Parfor. Ela ressaltou, ainda, que este plano visa induzir e fomentar a oferta de educação superior gratuita e de qualidade para professores em exercício na rede pública de educação básica, para que estes profissionais possam obter a formação exigida pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB).

Para a coordenadora geral do Parfor no Maranhão e coordenadora geral do Programa Darcy Ribeiro, Andrea Christina Gomes de Azevedo, o Parfor oferece cursos superiores públicos, gratuitos e de qualidade, visando à melhoria educacional no Brasil. “Sabemos da falta de formação adequada dos professores é um dos grandes problemas da educação no Brasil e o Parfor é um instrumento importante para o desenvolvimento de uma educação de excelência, que tanto almejamos, para nosso estado e nosso país”, concluiu Andrea Azevedo.

(Uema)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários postados no Notas do Daniel Aguiar passarão por moderadores. O conteúdo dos comentários é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a nossa linha editorial.

 

Fale com o blogueiro

- Daniel Aguiar -
WhatsApp: (98) 9 8256 6682
Email: danielaguiarpereira@gmail.com

O que você procura?

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

WhatsApp do 7º BPM/Pindaré

WhatsApp do 7º BPM/Pindaré

OPORTUNIDADES

Tags