PUBLICAÇÕES RECENTES

Preso segundo suspeito de participar do assassinato de árbitro em Pio XII

19 de julho de 2013

De acordo com a Polícia Civil, Raimundo da Costa Machado, 31 anos, conhecido como “Novinho”, é um dos suspeitos de participar do assassinato brutal do árbitro de futebol Otávio Jordão da Silva,  20 anos. O crime aconteceu no dia 30 de junho deste ano durante uma partida de futebol no Povoado Centro do Meio, em Pio XII. O jovem foi esquartejado. (Veja matéria completa aqui)

Raimundo Machado teria passado com uma moto várias
 vezes sobre a vítima (Foto/Reprodução: TV Remanso)
A polícia já havia apresentado outros três nomes de suspeitos de participação no crime. O nome de Raimundo Machado surgiu durante o andamento do inquérito. Após ouvir depoimentos de testemunhas a Polícia Civil chegou a Raimundo da Costa. Testemunhas afirmaram que "Novinho" teria passado de moto diversas vezes sobre a vitima quando a mesma estava amarrada e ainda com vida.

Raimundo é a segunda pessoa a ser presa por suposto envolvimento no caso. No dia 2 de julho, Luis Moraes de Sousa, 27 anos, foi preso na cidade de Conceição do Lago Açu. Ele confessou ter iniciado o espancamento do árbitro Otávio Jordão. "Só dei uma paulada nele e quebrei uma garrafa de 51(bebida alcoólica) na cabeça dele", disse Luis Moraes em entrevista à TV Remanso.

A polícia continua o trabalho de buscas de mais dois suspeitos de participação no crime, Francisco Edson Moraes de Sousa irmão de Luis Moraes e Josimar de Sousa.
    


RELEMBRE O CASO
A motivação do crime, de acordo com o inquérito policial, teria sido uma discussão entre o árbitro do jogo, Otávio Jordão da Silva, 20 anos, e um dos integrantes de um dos times, identificado como Josenir Santos Abreu, 30 anos.
Otávio Jordão
O jogador, conforme mostram os autos, teria sido expulso e insatisfeito com a atitude do árbitro teria dado início a uma luta corporal. Josenir Abreu foi atingido com golpes de faca na região do peito. Ele foi socorrido, mas morreu a caminho do hospital.


Josenir Santos Abreu
Diante dos fatos, familiares da vítima e testemunhas agrediram e apedrejaram o juiz, que não resistiu aos ferimentos e faleceu. Ele teve o corpo esquartejado.

Com informações da TV Remanso

2 comentários

  1. cadeia nesse vagabundo a se no brasil tivesse pena de morte. pena de morte eles decretaram alei e deles eles e que mandam os bandidos.

    ResponderExcluir
  2. Ambos agiram errado, pois nenhum dos dois mereciam a morte trágica que tiveram. todos agiram como os selvagens, monstros. todos eles tem que pagar pela morte desse Rapaz.

    ResponderExcluir

Todos os comentários postados no Notas do Daniel Aguiar passarão por moderadores. O conteúdo dos comentários é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a nossa linha editorial.

 

Fale com o blogueiro

- Daniel Aguiar -
WhatsApp: (98) 9 8256 6682
Email: danielaguiarpereira@gmail.com

O que você procura?

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

WhatsApp do 7º BPM/Pindaré

WhatsApp do 7º BPM/Pindaré

OPORTUNIDADES

Tags