16 de novembro de 2011

Prefeito de Alto Alegre do Pindaré nega acusação de deputado André Fufuca


De acordo com o Blog do Jorge Aragão, o prefeito de Alto Alegre do Pindaré, Atemir Botelho (PT), enviou um e-mail ao jornalista contestando alegações feitas pelo deputado André Fufuca na tribuna da Assembléia Legislativa do Maranhão nesta quarta-feira (16).

O deputado disse que "a secretária de Cultura, Verônica, o secretário de Saúde, Eduardo, o secretário de Agricultura e outras pessoas do grupo do prefeito estão invadindo terrenos e levando o pânico para a população”.

Atemir Botelho disse, por e-mail, que as invasões foram coordenadas por aliados políticos do ex-deputado Fufuca Dantas, o pai de André Fufuca. "ELES (Caçapa, que é um laranja do Fofoca, tem em seu nome varias fazendas) e outros invadiram um terreno onde seria construido uma das Quadras; o povo se revoltou e invadiu tres terrenos q seriam do ex deputado Fofoca. A partir de então desencadeou uma serie de invasoes" Trecho do e-mail.

André Fufuca declarou ainda durante a sessão desta quarta-feira (16), que “O presidente do sindicato do crime daquele município(Alto Alegre do Pindaré), o rei das licitações fraudulentas do Estado, patrocina com dinheiro público a invasão de propriedades privadas. Falo aqui do prefeito daquela cidade (Atemir Botelho) que não tem compromisso, nem respeito a nenhum dos cidadãos que o elegeu e muito menos ao nome daquele município”.

Em resposta, o prefeito disse: "Não tenho nada haver com essas invasões, logo porquer tudo começou por um terreno público, da prefeitura; ja ajuizamos uma ação de reintegração de Posse dos terrenos públicos de interesse social E dando apoio Jurídico às aqueles q estão se sentindo prejudicados. Repudio invasões, querer tomar à força o que pertecem a outros; foi eleito com a força do povo e para o povo vou continuar trabalhando."

Leia o e-mail na íntegra, supostamente enviado por Atemir Botelho ao jornalista Jorge Aragão.

"Venho educadamente esclarecer o fatos,
Ano passado a PREFEITURA adquirou um terreno para construção de um conj. Habitacional de 180 casas; capachos do Ex Deputado invadiram o terreno, a citar o ex candidato a vereador claudio Verísima, o blogueiro Marcello Cuelho, o vereador Cleude e Ze raimundo tbm da base oposicão; Fui obrigado a fazer unidades isoladas; Este ano, apos o anuncio na Festa de aniversario da cidade, da construção de tres quadras corbertas, a contrução do campo de futebol (Aqui na sede não tem Campo) e de tres creques, ELES (Caçapa, que é um laranja do Fofoca, tem em seu nome varias fazendas) e outros invadiram um terreno onde seria construido uma das Quadras; o povo se revoltou e invadiu tres terrenos q seriam do ex deputado Fofoca. A partir de então desencadeou uma serie de invasoes; Invadiram uma area da prefeitura atras do novo Hospital onde será construida uma das creches; invadiram uma area particular de um cidadão, terra produtiva, q inclusive esta “aradada” e com platio a lem de um açude com criação de Peixes entre outras areas. Não tenho nada haver com essas invasões, logo porquer tudo começou por um terreno público, da prefeitura; ja ajuizamos uma ação de reintegração de Posse dos terrenos públicos de interesse social E dando apoio Jurídico às aqueles q estão se sentindo prejudicados. Repudio invasões, querer tomar à força o que pertecem a outros; foi eleito com a força do povo e para o povo vou continuar trabalhando;"

Atemir Botelho - Prefeito de Alto Alegre do Pindaré-MA

1 Comentários para “Prefeito de Alto Alegre do Pindaré nega acusação de deputado André Fufuca”

Blog do Alto disse...
17 de novembro de 2011 04:40

PAPAGAIO COME O MILHO, O PERIQUITO LEVA A FAMA

Em mais uma tentativa desesperada de ocultar a verdade dos fatos, transferindo para outros ações que são comuns na atual oposição (que já esteve no poder por 12 anos e deixou o Município completamente endividado e sucateado), o deputado André Fufuca (mais conhecido no Maranhão como Deputado Emo), filhote mal gerado da politicagem de Fufuca Dantas, ex-prefeito de Alto Alegre do Pindaré, ex-deputado estadual no Maranhão, ex-secretário de minas e energia do mesmo Estado (Ué?! Parece que quem não serve para mais nada só serve para ser EX?!), acusou, descaradamente, ontem (16), em sessão plenária da Assembleia Legislativa (casa que por ele deveria ser respeitada, tanto quanto deveria respeitar o Município e os que nele acreditaram e votaram, mas não o faz), o Prefeito Atemir Botelho de ser o responsável pela onda de invasões que vem acontecendo em nosso Município desde o último dia 13 do mês corrente. Esquece-se ele (aliás, esquece-se não; faz-se, finge-se esquecido) que este tipo de atitude é típico do seu grupo que, desde o início da atual gestão (que eles tiveram que engolir goela abaixo e a seco; e nunca se conformaram com isso), vem incitando, incentivando e liderando invasões, ataques morais (para não dizer imorais) e outras ações danosas contra os representantes do Governo Municipal (e do povo, é claro!), na vã esperança de confundir a opinião pública e colocar o povo contra o Prefeito (coisa que, apesar de todas as tentativas, nunca conseguiram, nem conseguirão). Contudo, conhecedores da verdade como somos, e sem medo de quem quer que seja, pois a época do “bico calado, tome cuidado, que o homem vem aí” já acabou, vamos esclarecer, não com nossas palavras, mas com as palavras do próprio Prefeito que, mesmo indignado com a situação, manteve o equilíbrio, a dignidade, a humildade e a educação (requisitos e valores desconhecidos pelo deputado em questão e o seu grupo), enviou àquela Casa da Lei do Maranhão, nota de esclarecimento sobre as acusações proferidas por André Fufuca. Reproduzimos abaixo, na íntegra, o texto escrito pelo Prefeito.


“Venho, educadamente, esclarecer os fatos: ano passado, a PREFEITURA adquiriu um terreno para a construção de um Conjunto Habitacional de 180 casas no Município; capachos do ex-deputado Fufuca invadiram o terreno, a citar o ex-candidato a vereador Cláudio Veríssimo, o blogueiro Marcelo Coêlho, os vereadores Cleude e Zé Raimundo, também da base da oposição; fui obrigado a fazer unidades isoladas destas casas; este ano, após o anúncio, na Festa de Aniversário da Cidade, da construção de três quadras cobertas, a construção do Campo de Futebol (aqui na sede não tem campo) e de três creches, ELES (Caçapa, que é um laranja do “Fofoca” e tem em seu nome várias fazendas) e outros invadiram um terreno onde seria construída uma das quadras; o povo se revoltou e invadiu três terrenos que seriam do ex-deputado “Fofoca”. A partir de então, desencadeou-se uma série de invasões: invadiram uma área da Prefeitura, atrás do novo Hospital, onde será construída uma das creches; invadiram uma área particular de um cidadão alto-alegrense (terra produtiva, inclusive arada e com plantio, além de um açude com criação de peixes), dentre outras áreas do Município. Não tenho nada a ver com essas invasões, logo porque tudo começou por um terreno público, da Prefeitura; já ajuizamos uma ação de reintegração de posse dos terrenos públicos de interesse social. E estamos dando apoio Jurídico àqueles que estão se sentindo prejudicados. Repudio invasões: querer tomar à força o que pertence a outros não tem minha aprovação. Fui eleito com a força do povo e é para o povo que vou continuar trabalhando”.

Atemir Botelho.
Prefeito Municipal.

Por Heider Carvalho

www.blogdoalto.com


Postar um comentário

Todos os comentários postados no Notas do Daniel Aguiar passarão por moderadores. O conteúdo dos comentários é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a nossa linha editorial.