PUBLICAÇÕES RECENTES

Conlagos e UNDIME reúnem educadores na capacitação do “Mais Educação” no interior do estado

24 de março de 2012






Representantes do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) e Ministério da Educação (MEC) estiveram no Maranhão, nas cidades pólos de Itapecuru e Santa Inês, nos dias 20 e 21 de março, respectivamente, para apresentar o Seminário de Capacitação do programa “Mais Educação”, proposto em parceria com a UNDIME, Conlagos, prefeituras municipais e Secretaria Estadual de Educação.

Autoridades marcaram presença na abertura do seminário, nas duas cidades, como o presidente do Conlagos e prefeito de Bom Jardim, Dr. Roque Portela; o Diretor- Executivo do Conlagos, Ronald Damasceno; Raimundo Bringel, prefeito de Santa Inês; Núbia Cutrim, Coordenadora Estadual do Bolsa Família; Verene Braga, Coordenadora do Programa “Mais Educação”, na SEDUC-MA; a Undime esteve representada pela Secretária de Educação de Santa Inês, Maria da Graça Santana Silva e Elisângela Marinho, da SEMED de Itapecurú e, demais representações das esferas municipais e estadual.
 

Gestores de escolas municipais e coordenadores do projeto assistiram ao seminário no salão do templo da Primeira Igreja Batista de Itapecurú. Em Santa Inês, o encontro aconteceu no Auditório da Prefeitura Municipal, que contou com aproximadamente trezentos representantes do “Mais Educação” das cidades vizinhas a cada pólo. As técnicas do MDS e do MEC, Juliana Macedo e Thaís Schuarzberg esclareceram as matrizes do programa e tiraram dúvidas do público presente. Essa foi a primeira vez, onde um evento reuniu as esferas federais, estaduais e municipais, para falar em educação, no interior.

A capacitação foi um momento de interação entre os ministérios e educadores. Segundo o professor Sampaio, do município de Bom Jardim as explicações sobre o “Mais Educação” foram enriquecedoras, pois a implantação do programa gera muitas dificuldades, quanto às informações legais. Em seu município, no ano passado, onze escolas foram beneficiadas, sendo três na sede e uma num povoado, sendo que, mais trinta e sete, ainda estão em processo e cadastramento.

“Essa capacitação veio em boa hora, pois nos dar mais condições para operar o programa, com as explanações das técnicas do MDS e MEC, pois nos proporcionou um diálogo mais aprofundado”, disse a pedagoga Silvia Pinheiro, de São João Batista.

O Conlagos, consórcio público que age nas diretrizes de políticas públicas voltadas para a região dos lagos maranhenses, teve um papel importante na realização do Capacitação “Mais Educação”, pois assim das comunicações da UNDIME sobre a necessidade da realização do evento, mobilizou todos os municípios consociados para que enviassem seus representantes para participarem da capacitação. “A nossa missão é fortalecer o Consórcio como agente multiplicador, no contexto regional, e este evento pedagógico, proporciona que professores sejam militantes da educação em seus municípios”, enfatizou Ronald Damasceno, diretor do Conlagos.

O presidente do Conlagos, Dr. Roque Portela, destacou ainda mais a importância dos consórcios como instrumento de gestão pública, no fortalecimento de políticas municipais de educação, no contexto regional. De acordo com Roque, recentemente, os consócios conquistaram o reconhecimento do Conselho Nacional de Educação para atuarem na pasta.

Sobre o “Mais Educação” 


 O Programa Mais Educação, criado pela Portaria Interministerial nº 17/2007, aumenta a oferta educativa nas escolas públicas por meio de atividades optativas que foram agrupadas em macrocampos como acompanhamento pedagógico, meio ambiente, esporte e lazer, direitos humanos, cultura e artes, cultura digital, prevenção e promoção da saúde, educomunicação, educação científica e educação econômica.

A iniciativa é coordenada pela Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade (SECAD/MEC), em parceria com a Secretaria de Educação Básica (SEB/MEC) e com as Secretarias Estaduais e Municipais de Educação. Sua operacionalização é feita por meio do Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE), do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

O programa visa fomentar atividades para melhorar o ambiente escolar, tendo como base estudos desenvolvidos pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), utilizando os resultados da Prova Brasil de 2005. Nesses estudos destacou-se o uso do “Índice de Efeito Escola – IEE”, indicador do impacto que a escola pode ter na vida e no aprendizado do estudante, cruzando-se informações socioeconômicas do município no qual a escola está localizada.

Por esse motivo a área de atuação do programa foi demarcada inicialmente para atender, em caráter prioritário, as escolas que apresentam baixo Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), situadas em capitais e regiões metropolitanas.

As atividades tiveram início em 2008, com a participação de 1.380 escolas, em 55 municípios, nos 27 estados para beneficiar 386 mil estudantes. Em 2009, houve a ampliação para 5 mil escolas, 126 municípios, de todos os estados e no Distrito Federal com o atendimento previsto a 1,5 milhão de estudantes, inscritos pelas redes de ensino, por meio de formulário eletrônico de captação de dados gerados pelo Sistema Integrado de Planejamento, Orçamento e Finanças do Ministério da Educação (SIMEC). Em 2010, a meta é atender a 10 mil escolas nas capitais, regiões metropolitanas - definidas pelo IBGE - e cidades com mais de 163 mil habitantes, para beneficiar três milhões de estudantes.

Para o desenvolvimento de cada atividade, o governo federal repassa recursos para ressarcimento de monitores, materiais de consumo e de apoio segundo as atividades. As escolas beneficiárias também recebem conjuntos de instrumentos musicais e rádio escolar, dentre outros; e referência de valores para equipamentos e materiais que podem ser adquiridos pela própria escola com os recursos repassados.



Ascom Conlagos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários postados no Notas do Daniel Aguiar passarão por moderadores. O conteúdo dos comentários é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a nossa linha editorial.

 

Fale com o blogueiro

- Daniel Aguiar -
WhatsApp: (98) 9 8256 6682
Email: danielaguiarpereira@gmail.com

O que você procura?

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

WhatsApp do 7º BPM/Pindaré

WhatsApp do 7º BPM/Pindaré

OPORTUNIDADES

Tags