PUBLICAÇÕES RECENTES

Polícia elucida homicídio do Cabo do Corpo de Bombeiros

28 de março de 2012










Um trabalho de investigação realizado em conjunto pela Superintendência de Polícia Civil da Capital (SPCC), Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic) e do Grupo Tático Aéreo (GTA), com o apoio do Serviço de Inteligência do Corpo de Bombeiros (CBMMA), culminou na prisão e apreensão de três envolvidos no assassinato do Cabo do Corpo de Bombeiros, Gilson Carlos Evangelista. O crime ocorreu na tarde do último domingo, (25), após uma discussão no trânsito, em São Luis.

Dentre os acusados encontram-se dois adolescentes, um de 16 e outro de 17 anos, além de Anderson Bruno Gomes Rocha, de 21 anos. Com eles, foram apreendidos a arma do crime, um revólver calibre 38 e o veículo envolvido na ocorrência no trânsito, um Corsa Classic, de cor preta, de placa NXG-5361. Os envolvidos foram localizados no bairro do João de Deus após levantamentos e denúncias anônimas recebidas pela polícia.

De acordo com o depoimento das testemunhas, a autoria do crime e a posse da arma foram apontadas ao adolescente de 17 anos. O outro menor de idade é irmão do suposto autor. Eles teriam estado no momento da discussão de trânsito com a vítima.

Ainda com base nos depoimentos, Anderson Bruno ficou responsável pela arma utilizada no crime. O revólver foi apreendido em sua residência no bairro João de Deus.

Os três foram conduzidos ao 11º DP, no São Cristóvão, onde foram ouvidos pela delegada de Polícia Civil Ludylena Sampaio. Segundo ela, os relatos das testemunhas apontam os três como atuantes no homicídio do Cabo Gilson.

Ainda segundo a delegada, o Instituto de Criminalística (Icrim) já foi solicitado para realizar a perícia no veículo dos suspeitos e no caminhão da vítima. Após o auto de prisão e apreensão, os adolescentes foram encaminhados para a Delegacia do Adolescente Infrator (DAI); e o Anderson para o Centro de Triagem de Pedrinhas.






(SSP-MA)
Editado por Notas do Daniel Aguiar
Foto:  Anderson Bruno Gomes Rocha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários postados no Notas do Daniel Aguiar passarão por moderadores. O conteúdo dos comentários é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a nossa linha editorial.

 

Fale com o blogueiro

- Daniel Aguiar -
WhatsApp: (98) 9 8256 6682
Email: danielaguiarpereira@gmail.com

O que você procura?

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

WhatsApp do 7º BPM/Pindaré

WhatsApp do 7º BPM/Pindaré

OPORTUNIDADES

Tags