PUBLICAÇÕES RECENTES

Prazo de adesão ao programa Mais Educação termina nesta sexta-feira

26 de abril de 2012


Termina nesta sexta-feira (27), o prazo para que escolas estaduais, pré-selecionados pelo Ministério da Educação (MEC), efetivem adesão ao Programa Mais Educação. No Maranhão, 466 unidades escolares do ensino fundamental da rede estadual foram selecionadas para participar do programa em 2012.

De acordo com a coordenação estadual do Mais Educação, ligada à Secretaria de Estado de Educação (Seduc), um total de 280 escolas já estão cadastradas e 56 estão em processo de cadastramento.

A coordenação do programa, Verenne Majorie Lima Braga, alerta que mesmo com o prazo estabelecido, é necessário que as escolas façam o cadastro o mais breve possível tendo em vista que o Sistema de Informações Integradas de Planejamento, Orçamento e Finanças do MEC (Simec) será encerrado assim que alcançar a meta de 33 mil escolas cadastradas.

"A coordenação estadual do programa está dando suporte às escolas pré-selecionado pelo MEC, para que agilizem o processo de cadastramento no Simec, informando seus planos de atendimento para 2012", enfantizou.

Adesão

Podem aderir ao Mais Educação escolas que atendam estudantes de famílias em situação de vulnerabilidade social e que estejam entre as 29.308 pré-selecionadas em todo o país pelo Ministério da Educação em 2012.

A adesão é feita na internet pelo endereço eletrônico: www.simec.mec.gov.br . No Maranhão as escolas estaduais selecionados devem procurar a coordenação do programa para liberação da senha de acesso ao sistema, através do telefone (98) 3218 8972 .

Lançado em 2008, o programa tem como objetivo ampliar o tempo de permanência do estudante na escola. As instituições devem priorizar o desenvolvimento de práticas ligadas às seguintes áreas do conhecimento: educação ambiental, esporte e lazer, direitos humanos em educação, cultura e artes, cultura digital, promoção da saúde, comunicação e uso de mídias, investigação no campo das ciências da natureza e educação econômica.

Além disso, as escolas devem oferecer acompanhamento pedagógico complementar, que é obrigatório. Para viabilizar o desenvolvimento das atividades, as escolas participantes recebem recursos do Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE-Educação Integral), sendo o número de estudantes beneficiados e as atividades escolhidas o que determina o valor do repasse. A meta do programa é chegar a 60 mil escolas brasileiras até 2014.

(Seduc)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários postados no Notas do Daniel Aguiar passarão por moderadores. O conteúdo dos comentários é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a nossa linha editorial.

 

Fale com o blogueiro

- Daniel Aguiar -
WhatsApp: (98) 9 8256 6682
Email: danielaguiarpereira@gmail.com

O que você procura?

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

WhatsApp do 7º BPM/Pindaré

WhatsApp do 7º BPM/Pindaré

OPORTUNIDADES

Tags